Este site utiliza cookies . Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Para mais informações consulte a nossa Política de Cookies. Fechar
Menu Lateral
Informação sobre o curso Manuseamento de gases fluorados - Prático
Apresentação

As empresas e técnicos que trabalham com equipamentos fixos de refrigeração, ar condicionado e bombas de calor que contenham determinados gases fluorados com efeito de estufa, deverão ser certificados nos termos do REGULAMENTO (CE) Nº 303/2008, transposto através do Decreto-Lei n.º 145/2017 de 30 de novembro (que revoga o Decreto-Lei 56/2011 de 21 de abril).
A certificação destes profissionais é feita em organismo de certificação de pessoas reconhecido pela Agência Portuguesa do Ambiente, junto de quem terão de prestar provas de conhecimento teórico prático. Por sua vez, as empresas terão de provar que têm pessoal habilitado e que têm as ferramentas e os procedimentos necessários a esta atividade.
Neste contexto, o ISQ - Centro de Formação propõem-se, através desta ação de formação, a preparar os Técnicos para a Certificação Europeia de Gases Fluorados (Categoria 1), segundo o Decreto-Lei n.º 145/2017 de 30 de novembro, desenvolvendo as competências necessárias à realização das seguintes operações: deteção de fugas; recuperação de fluidos; instalação; manutenção; assistência técnica. O sucesso/aprovação dependerá do nível de desenvolvimento técnico atingido individualmente.

Objetivos

No final da formação deverá ser capaz de realizar com autonomia e adestramento intervenções em equipamentos de refrigeração contendo gases fluorados, atendendo ás normas e documentos aplicáveis, com vista à realização do exame de certificação como Técnicos de Manusemento de Gases Fluorados com Efeito de Estufa - CATEGORIA I.

Condições de Inscrição

Técnicos com formação profissional em manuseamento de gases fluorados que necessitem de treinar ou aperfeiçoar os procedimento e técnicas aplicáveis, tendo em vista a prestações de provas práticas de certificação.

Conteúdos Programáticos

1. Verificações e ensaios ao sistema aquando da entrada em funcionamento:
- Ensaios de pressão para verificar a resistência e hermeticidade do sistema;
- Vácuo e purga do sistema;
- Registos e elaboração de relatório da intervenção.
2. Manuseamento ecológico do sistema e do refrigerante durante a instalação, a manutenção, a assistência técnica ou a recuperação:
- Procedimentos de ligação de instrumentos e linhas aos circuitos;
- Procedimentos de trasfega de fluídos entre garrafas;
- Procedimentos de recuperação do fluído da instalação;
- Procedimentos de drenagem de óleo contaminado do sistema;
- Procedimentos de enchimento do sistema.
3. Deteção de fugas:
- Método direto e indireto;
- Dispositivos de medição;
- Registos e elaboração de relatório da intervenção.
4. Soldadura oxiacetilénica em atmosfera inerte:
- Selecionar a tubagem;
- Cortar;
- Curvar;
- Abocardar;
- Desengordurar;
- Verificação de folgas;
- Interligar o fluxo de azoto pelo interior da tubagem;
- Executar o pré-aquecimento;
- Aplicar o fluxo;
- Aplicar o metal de adição;
-Inspeção e aceitação da soldadura;
-Verificação de fugas no circuito.

Observações

Preço: 250€(+IVA)

 

Nº de Horas: 21h