Este site utiliza cookies . Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Para mais informações consulte a nossa Política de Cookies. Fechar
Menu Lateral
5
ABR

2024
Data de Fim
27/04/2024
Horário
Pós-laboral (6ª e sábado)
Duração
40 horas
Local de Formação
V. N. Gaia - Ecotermolab
Preço
550,00€ (+ IVA)
Tipo de Formação
Formação Presencial
Contacto
Rita Teixeira
961201563
rmteixeira@isq.pt
Informação sobre a edição do curso Rebobinagem de Motores Elétricos
Objetivos

No final do curso os participantes deverão ser capazes de:

  • Diagnosticar avarias em motores elétricos, identificando as causas e medidas de prevenção;
  • Avaliar a viabilidade técnica e económica da rebobinagem de motores face à substituição;
  • Realizar corretamente a rebobinagem de motores elétricos de acordo com o procedimento transmitido as boas práticas da arte;
  • Realizar ensaios de funcionamento após a rebobinagem por referência às características do fabricante.

Condições de Inscrição

  • Técnicos de Manutenção Industrial;
  • Eletricistas;
  • Eletromecânicos;
  • E outros profissionais que pretendam exercer a atividade de rebobinador.

Conteúdos Programáticos

1 – Tecnologia dos Motores Elétricos:

  • Classificação dos tipos de motores;
  • Aspetos construtivos;
  • Princípio de Funcionamento;
  • Características elétricas;
  • Características mecânicas;
  • Especificações técnicas.

2 – Bobinagem de Motores Elétricos:

  • Fios para bobinagem;
  • Circuito magnético;
  • Sistema de isolamento;
  • Tipos de enrolamentos;
  • Ranhuras e tipos de camadas;
  • Número de bobinas por grupo;
  • Associação grupos de bobinas;
  • Formação de polos;
  • Interpretação de desenho de esquemas;
  • Fatores a ter em consideração na tomada de decisão entre reparar ou substituir o motor.

3 – Etapas do processo de rebobinagem de motores elétricos:

– Técnicas de abertura, marcações e desmontagem do motor e seus componentes: tampa, rolamento, rotor, entre outros

– Inspeção visual ao corpo do motor

– Recolha das características construtivas do estator e do enrolador:

  • Número de ranhuras;
  • Tipo de enrolamento,
  • Número de bobinas por grupo;
  • Número de grupos por fase;
  • Ligação entre grupos de bobinas;
  • Passo de bobina;
  • Passo Polar;
  • Passo de Fase.

Esquema de ligação (número de terminais):

– Desmontagem do enrolamento

– Limpeza do estator

– Execução da bobina:

  • Moldes;
  • Seleção de fio.

– Montagem das bobinas:

  • Isolamento e tipos de material isolante;
  • Amarração e identificação das bobinas;
  • Teste de continuidade dos enrolamentos;
  • Impregnação do conjunto – estator e bobinado, com verniz isolante.

– Montagem do motor

– Ensaios a vazio:

  • Medição de corrente e potencia absorvida com tensão nominal;
  • Medição da rotação em rpm.

CASO PRÁTICO

Rebobinagem de motores de indução: monofásicos e trifásicos, em oficina, com recurso a ferramentas e equipamentos de ensaio adequados:

1 – Deteção e análise da avaria – rotor em curto circuito;

2 – Treino das etapas e procedimentos de rebobinagem de motores elétricos conforme acima descrito;

3 – Ensaios de funcionamento.

Observações

DESCONTO:

  • 10% em duas ou mais inscrições da mesma empresa.

Horário:6ª feira das 19:00 às 22:00 e Sábados das 09:00 às 13:00 e das 14:00 às 17:00.

O material técnico-pedagógico é distribuido em suporte informático.